Concurso MP-SP 2018 – Edital em Elaboração





Seleção deverá ofertar 37 vagas.

O início do segundo semestre de 2018 conta com mais dois super concursos prestes a serem oficializados. Trata-se do certame destinado ao provimento de cargo de analista jurídico, cujo edital necessita ser publicado nas próximas semanas, e o certame para cargos no Ministério Público do Estado de São Paulo, o MP-SP. Os ditos editais já estão em adiantada fase de configuração, portanto, próximos da liberação oficial.

Deste modo, a meta principal está em abrir em torno de 37 postos, dos quais são 28 destinados aos concorrentes que possuírem a formação no ensino fundamental e os demais nove destinados aos candidatos com nível superior de formação acadêmica. Os vencimentos iniciais podem chegar até ao valor de 12.875,55 reais.




As pessoas com ensino fundamental completo terão chance de concorrer ao cargo no setor de auxiliar de promotoria, o qual conta com uma oferta de 28 postos de trabalho e cuja remuneração inicial está no valor de 3.575,13 reais, que inclui, ainda, o salário no valor de 2.604,65 reais; o auxílio-alimentação no valor de 710 reais e o auxílio-condução no valor de 11,84 reais, todos os dias, o que equivale a 260,48 mensais.

Com relação às nove vagas destinadas aos concorrentes com nível superior de formação, se destinam a cargos no setor de analista técnico científico. Todos os interessados, neste caso, terão que apresentar diploma de formação em nível superior no curso de Administração; de Contabilidade ou de Economia, cujo salário inicial está no valor de 12.875,55 reais.


O critério de distribuição dos postos de trabalho, neste processo seletivo promovido pelo Ministério Público do Estado de São Paulo, será o seguinte:

Entre os 28 postos de trabalho no setor de auxiliar, 20 deles serão destinados para a chamada primeira região administrativa, a qual abrange a capital paulista, ou a Grande São Paulo; o município de Santos e a região do Vale do Ribeira. Portanto, neste caso, todas as vagas se destinam às áreas de eletricista; área de encanador; de marceneiro; de pedreiro; de pintor e no setor de serralheiro.

Os demais oito postos se destinam ao cargo de eletricista e um cargo no setor de encanador, destinado cada um dos outros às quatro áreas regionais. Esta segunda região abrange a cidade de Campinas e a cidade de Taubaté. A terceira região abrange o município de Sorocaba e o de Piracicaba. Na quarta região, a cidade de Araçatuba; cidade de Bauru e de Presidente Prudente. Na quinta e última região, a cidade de Franca; cidade de Ribeirão Preto e de São José do Rio Preto.

O programa para as provas será o seguinte:

Será necessário que os interessados comecem a se preparar nos estudos, já que a base do conteúdo programático dos processos seletivos anteriores está disponível na internet. Com relação ao cargo no setor de auxiliar de promotoria, o último processo de seleção foi realizado no ano de 2014, destinado apenas para o departamento administrativo. Para o cargo de analista técnico científico, o último certame foi realizado no ano de 2015. Os dois concursos acima referidos tiveram como banca organizadora a instituição Vunesp.

Para o cargo de auxiliar de promotoria, o processo de seleção foi realizado por meio de uma única prova objetiva, que consistiu em um caderno com 60 questões, das quais 25 versaram sobre língua portuguesa; 15 versaram sobre conteúdos de matemática e mais 20 questões em cima dos conhecimentos gerais, os quais incluíram seis perguntas sobre história; seis perguntas sobre geografia; seis perguntas sobre as atualidades e as duas últimas sobre temas de legislação.

Vale a pena conferir.

Paulo Henrique dos Santos

Comentários