Concurso SAPeJUS (GO) 2015 tem 305 vagas abertas





Uma das principais modalidades de oferta de vagas de emprego na atualidade é o concurso público. Um dos motivos para isso é justamente o fato do concurso público ser o meio de ingresso no serviço público brasileiro. Devido a grande valorização que o serviço público possui a demanda por vagas nesta área também é muito grande.

E para aqueles que residem no estado de Goiás e estão em busca de oportunidades que giram em torno da prestação de concurso público, saibam que a Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento de Goiás está com certame em andamento. O edital nº 001/2014 é destinado ao preenchimento de 305 vagas. Confira mais detalhes sobre este certame na continuação desta matéria.




Como foi citado acima, estão sendo oferecidas nada menos que 305 vagas. Vale ressaltar que ambas as vagas são para o cargo de Agente de Segurança Prisional e destinadas ao reforço no quadro da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária e Justiça. Estará responsável pela organização do concurso a Fundação Universa.

Caso esteja interessado nesta oportunidade, saiba que as vagas disponíveis são para lotação nas oito unidades regionais prisionais da SAPeJUS. As oportunidades são para candidatos do sexo masculino e do sexo feminino que possuam diploma de formação em qualquer curso superior. Além das vagas imediatas também ocorrerá à formação de cadastro de reserva. Os futuros contratados terão direito a remuneração inicial de R$ 2.847,23 que é resultado de carga horária semanal de 40 horas.


O período de inscrições está estará aberto até o dia 30 de dezembro de 2014. Os interessados devem realizar a inscrição por meio eletrônico. Para isso, o candidato deve acessar o site oficial da Fundação Universa. A taxa de inscrição será de R$ 110,00 para todos os candidatos e deve ser paga até a data de 19 de janeiro de 2015.

Ao todo o certame conta com nada menos que cinco etapas que compõem o processo seletivo. A primeira fase conta com prova objetiva; a segunda fase será responsável por prova discursiva; já a terceira fase é composta de avaliação médica, avaliação da equipe multiprofissional (de exclusividade para candidatos com deficiência) além de avaliação de títulos; a quarta fase será o exame de aptidão física; e a quinta fase conta com avaliação psicológica.

Por Bruno Henrique

Comentários