Concurso TRT-RJ 2018 – Seleção da Banca Organizadora





Concurso deverá ofertar vagas para analista e técnico judiciário.

Quem estuda para concurso pode conferir aqui uma boa notícia. No estado do Rio de Janeiro, o Tribunal Regional do Trabalho está no processo de escolha da banca que será responsável pela organização do seu próximo certame.

Veja mais informações a seguir.




Escolha da Banca

A comissão do concurso, formada desde o mês de abril de 2017, já finalizou o projeto básico do processo seletivo. A etapa seguinte será a escolha da instituição que será responsável pela organização do concurso público. Há expectativa que essa definição ocorra ainda no mês de outubro.

Com a publicação do edital, revisto pelo setor de Licitações e Contratos, também serão conhecidas as quantidades de vagas ofertadas por cada cargo. Espera-se que a abertura das inscrições seja até o início de 2018.


Cargos

Com relação às funções a serem anunciadas no edital do certame, a única confirmação é que haverá oportunidades tanto para profissionais de nível superior como de nível médio. Assim, espera-se que a seleção contemple chances para os cargos de analista judiciário e técnico judiciário.

Quem iniciar na carreira de nível médio receberá em torno de R$ 7 mil a R$ 8 mil. Já para o cargo de analista, a oferta de salário inicial é de R$ 11 mil, podendo chegar a R$ 13 mil, dependendo da área de formação.

As áreas de atuação ainda serão confirmadas. Mas há expectativa de que as seguintes especialidades sejam contempladas: Administração, Segurança e Enfermagem (para técnico judiciário), Oficial de Justiça e área Judiciária (que exigem formação de nível superior em Direito) e Administrativa (que pode participar quem tiver graduação em qualquer área).

No caso de técnico da área de segurança, é necessário que o candidato tenha carteira nacional de habilitação (CNH) na categoria D.

Avaliações

A diretoria de gestão de pessoas do TRT RJ já definiu como os candidatos serão avaliados. No mesmo dia, os concorrentes farão prova objetiva e discursiva. Porém, quem pretende ocupar o cargo de técnico em segurança, além da prova de múltipla escolha, ainda fará teste de aptidão física, em outra data.

Último Concurso do TRT RJ

O último certame do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região, no estado do Rio de Janeiro, ocorreu no ano de 2012. Na ocasião, a banca organizadora foi a Fundação Carlos Chagas (FCC). Na oportunidade, foram oferecidas 38 vagas para o cargo de técnico judiciário da área administrativa e 5 para analistas judiciários das seguintes áreas: administração (1), judiciária – especialidade execução de mandatos (3) e área judiciária (1).

No certame de 2014, foram oferecidas vagas exclusivas para pessoas com necessidades especiais.

A taxa de inscrição custou R$ 58 para os cargos de nível médio e R$ 79 para os cargos de nível superior.

Confira quais eram os requisitos para investidura nos cargos: ter 18 anos, no mínimo, estar em dia com as obrigações eleitorais, militares e em pleno gozo dos direitos políticos, ter aptidão física e mental, entre outros.

As disciplinas cobradas em conhecimentos gerais para os cargos de analista e técnico judiciário: língua portuguesa, informática e matemática e raciocínio lógico.

Já as matérias referentes a conhecimentos específicos para o cargo de técnico da área administrativa foram: noções de direito administrativo, processo do trabalho, constitucional e direito do trabalho.

Atribuições

As principais responsabilidades do analista de execução de mandatos são: executar penhoras, avaliações, arrematações, conferir expedientes, executar citações, notificações e intimações, entre outras tarefas.

Outros detalhes

O concurso está autorizado desde 6 de abril de 2017. Este certame terá validade de dois anos, podendo ser prorrogado por mesmo período, uma única vez, e a critério do tribunal.

Aproveite enquanto o edital não foi publicado e inicie já a sua preparação.

Melisse V.

Comentários