IADES – Perfil da Banca Organizadora e Estilo da Prova





Conheça aqui um pouco mais sobre o IADES e o estilo de sua prova.

Ser aprovado em um concurso público, ter estabilidade financeira e um salário bom no final do mês, é o sonho de qualquer brasileiro, mas para chegar ao objetivo final é necessário dedicação e muito estudo. Afinal de contas, o candidato precisa estar apto às estratégias da banca organizadora do concurso púbico.

Para quem vai realizar o concurso público da banca organizadora do Instituto Americano de Desenvolvimento (IADES) deve atentar-se o estilo utilizado pela instituição para garantir sucesso, rumo à aprovação.




O professor Cristiano Souza, atuante em preparatório para concursos, afirma os principais pontos que o estudante deve observar.

“Cada estudante, ao iniciar seus estudos, para um concurso público, deve ter consciência do que irá enfrentar no dia da prova. Um cronograma programático deve ser iniciado a partir do momento que o aluno decide se candidatar a um cargo. Os principais pontos a serem seguidos são: dedicação, planejamento e investigação. Os alunos devem pesquisar, por outras provas, já realizadas por aquela instituição, e analisar, de forma correta, a atuação da empresa no mundo dos concursos”, disse o professor.


Cristiano ainda afirma que para um resultado promissor, o aluno deve ter dedicação e, acima de tudo, responsabilidade: “ O sucesso profissional se dá por dedicação por parte do aluno. Há necessidades que só o estudante pode conseguir superar, através da banca organizadora. Uma pesquisa mais profunda sobre o modo de atuação da instituição é necessária e eficaz para uma classificação de sucesso”, concluiu o professor.

O Instituto Americano de Desenvolvimento (IADES), ultimamente vem realizando vários concursos pelo Brasil. Durante sua atuação, já foram realizadas mais de 542 provas, divididas em 42 concursos.

Já as provas realizadas pelo Instituto Americano de Desenvolvimento (IADES) podem possuir questões de múltipla escolha, assim como também há situações para cargos diferenciados, a elaboração de textos e redações.

As provas feitas pela banca organizadora são diferenciadas. A maioria das questões buscam se voltar para área de interesse do candidato. Em ocasião, o Instituto Americano de Desenvolvimento busca utilizar assuntos temáticos.

Na língua portuguesa, por exemplo, o candidato pode se deparar com um alto grau de exigência nos termos gramaticais. Assim como pode aparecer questões que envolve a linguística textual e gramatical.

Já para os candidatos ao cargo de direito, por exemplo, as provas trazem tanto o Direito Constitucional, quanto ao Direito Administrativo. As questões são recheadas de cópias fiéis da constituição, bem como as questões de leis secas. Já a Jurisprudência é a que é menos cobrada, ao contrário da Doutrina dos juristas, que é bem mais exigida, porém, não possui um conteúdo muito profundo. Por fim, nas provas de informática são as mais simples e fáceis de serem abordadas, pois possuem um baixo grau de dificuldade, mas prevalecem questões básicas, que seguem as principais características do sistema como o Word, Internet e Windows.

Confira abaixo alguns dos temas que a instituição organizadora costuma utilizar em seus certames:

Língua Portuguesa:

Gramática – normativa e linguística textual.

As questões mostram textos longos, com base na área de atuação do órgão de atuação. Geralmente, as provas costumam cobrar a correção gramatical, acentuação e ortografia. Sem contar com questões de período simples e composto, colocação pronominal e preposições.

Direito administrativo:

Para as questões de direito administrativo, a banca organizadora do IADES costuma utilizar metade das questões de doutrina e pouca questão de Jurisprudências. Alguns autores também são mencionados nas provas. Nas questões de direito, o Instituto costuma fazer referência a autores como Hely Lopes e Maria Sylvia.

Direito constitucional:

Já para direito constitucional, a banca organizadores utiliza poucas questões de doutrina, porém, a jurisprudência é um pouco mais citada durante o certame. O que já não ocorre nos casos de questões sobre a Constituição Federal, que é a que possui um maior número de questões. Já os autores, as provas costumam citar nomes como o de Pontes de Miranda.

Para mais informações de concurso realizados pelo Instituto Americano de Desenvolvimento (IADES) acesse o site: http://www.iades.com.br/inscricao.

Por: Cassiany de Paula

Comentários